1 de jul de 2011

A música do sonho; os aniversários de Marisa Monte e Alceu; o clipe do Beady Eye (Liam sóbrio); o show do Arcade Fire em Londres; o CD novo da Marina.

Então... Posso atacar direto com a música do dia?? Lá vai...



*****

Tá certo, eu sei que ando falando muito de Paul McCartney por aqui ultimamente. Em cinco dias, ele teve alguma música do dia por duas vezes. Mas eu explico: sonhei com “Here today” a noite inteira. Em um dos sonhos, a letra original da música, que fala sobre a relação de Paul com John Lennon, foi trocada por uma lista dos pontos turísticos de Londres. Aí, enquanto ouvia a música, o Paul McCartney estava do meu lado em um city-tour pela capital inglesa... Ah, tudo bem, viagem total... E eu juro que não tomei nada antes de dormir. Só vi um dos filmes mais sem graças e imbecis dos últimos tempos: “Se beber, não case”. Não consigo entender como alguém consegue achar graça em uma asneira desse tipo. Para compensar, hoje vou rever pela 118º vez, “A primeira noite de um homem”. E essa é a minha cena preferida:



*****

Ah, se você não ama Paul McCartney, a Mojo te dá 50 razões...

*****

Bom, então vamos para os aniversários de hoje, começando com Marisa Monte (44 anos), que, parece, vai lançar um álbum novo ainda esse ano. Um dos melhores shows que já vi foi “Verde anil amarelo cor de rosa e carvão”. Esse é aquele tipo de show que a gente tem certeza que Marisa Monte nunca vai superar.



*****

Quem sopra 65 velinhas hoje é o grande Alceu Valença. Nossa, acho que podia preencher umas dez mil linhas aqui contando histórias engraçadas do Alceu. Mas melhor não... Hehehe... Só posso dizer que é um dos artistas mais atenciosos que tive a oportunidade de conhecer. Arrogância zero. E ele também é (ou era) síndico do prédio de um amigão meu. Um dia estávamos lá com um pessoal, tocando maior zona de madrugada, e quem liga para reclamar do esporro??



*****

Hoje só tem fera fazendo aniversário, hein?? E vamos continuando com Robertinho Silva, um dos melhores bateristas e percussionistas da MPB. Nosso grande Robertinho, orgulho nacional, que já tocou com gente como Antonio Carlos Jobim, Milton Nascimento, Sarah Vaughan e Wayne Shorter, completa 70 anos (com rostinho de 35...)



*****

E quem faz 60 anos hoje (com rostinho de 25) é a peça Fred Schneider, do The B-52’s, a “the world’s gratest party band”. Alguém fica de mau humor com isso aqui??



*****

Para ninguém falar que hoje não escrevi nada sobre futebol, vou falar sobre... atletismo! Isso porque Carl Lewis, que já ganhou dez medalhas olímpicas (sendo nove de ouro) faz 50 anos. Quem gosta de correr sabe que a gente não pode se esquecer de Carl Lewis, um dos maiores corredores da história.



*****

O Beady Eye, a banda do Liam Gallagher, lançou o videoclipe de “The beat goes on” hoje. Gostei do vídeo, gosto da música e adoro a banda. Jamais imaginava que Liam (sem Noel) pudesse gravar um álbum tão interessante como “Different gear, still speeding”. Quebrei a cara. Ainda bem...
Em tempo: hoje, Liam disse que está há seis meses sem beber.



*****

Quem se apresentou ontem no Hyde Park, em Londres, foi o Arcade Fire. Li algumas críticas na internet, e o show parece ter sido um pouco decepcionante. Som baixo, banda não muito animada, público idem... Enfim... Eu não me importaria de ver um show desanimado do Arcade Fire...





*****

A quem interessar possa, o set list da apresentação foi o seguinte:
'Ready To Start'; 'Wake Up'; 'No Cars Go'; 'Haïti'; 'Intervention'; 'Rococo'; 'Speaking In Tongues'; 'Crown Of Love'; 'The Suburbs'; 'Month Of May'; 'Rebellion (Lies)'; 'Neighborhood #2 (Laika)'; 'We Used To Wait'; 'Neighborhood #3 (Power Out)'; 'Keep The Car Running'; 'Neighborhood #1 (Tunnels)'; e 'Sprawl II (Mountains Beyond Mountains)'.

*****


E o CD novo da Marina Lima, hein? Eu gostei muito, mas, sinceramente, esperava mais. Eu sempre espero mais de Marina Lima. As faixas que eu mais gostei foram “Não me venha mais com o amor” (um rock estiloso, com intervenções eletrônicas, no estilo “Pierrot”; parceria dela com Adriana Calcanhotto) e “Pra sempre”, um dueto com Samuel Rosa. Nessa música, Marina Lima não soava tão pop desde os tempos de... Marina. Vou escutar o CD com mais calma para formar uma opinião melhor. Mas já deixo aqui a minha recomendação.



*****

Esse show a gente já pode comemorar. Em março do ano que vem, Roger Waters vai tocar em São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre. Nas duas vezes que ele esteve aqui, não pude ir. Na primeira vez, foi a véspera da minha prova da OAB. Na segunda, estava com a doença mais... dolorosa... que alguém pode ter. Não dava nem para colocar uma camiseta. O show no Rio será no dia 25 de março do ano que vem, um dia depois do aniversário da minha mãe e do meu irmão. Espero que eles não inventem de fazer festa no... Melhor nem completar a frase...