7 de out de 2010

Thom Yorke, Pitty, Eric Clapton, R.E.M., Spartacus, The National, Metallica, Weezer, Regina Spektor, Gorillaz, Kurt Cobain x MTV

Kurt Cobain escreveu essa carta para a MTV há quase 20 anos. Mais profético impossível...

*****

Já viram que bacana o (storyboard do) novo videoclipe do Gorillaz, "Rhinestone eyes"??



*****

Prestes a desembarcar no Brasil para se apresentar no SWU, Regina Spektor anunciou os detalhes de seu próximo álbum. "Live in London" foi gravado durante uma apresentação de Spektor no Hammersmith Apollo, em dezembro de 2009. O CD/DVD chega às lojas no dia 22 de novembro. O CD conta com três músicas que a cantora nunca gravou em estúdio: "Silly eye-color generalizations", "Bobbing for apples" e "Love you're a whore". As outras faixas são: "On the radio", "Eet", "Folding chair", "Sailor song", "Blue lips", "Après moi", "Dance anthem of the 80's", "Wallet", "Ode to divorce", "That time", "The calculation", "Machine", "Laughing with", "Man of a thousand faces", "Hotel song", "Us", "Fidelity", "Samson" e "The call".

*****

Ontem eu falei aqui de um sujeito que elaborou uma petição visando arrecadar 10 milhões de dólares para que o Weezer encerrasse as suas atividades. Via Twitter, o baterista e guitarrista Patrick Wilson topou. Mas disse que o valor terá que aumentar para 20 milhões de dólares. Quero ver se esse valor for alcançado...

*****

O Metallica está com mais um CD ao vivo no forno. "Live at Grimey's" foi gravado em uma loja de discos em Nashville, e estará à venda somente no site oficial da banda. O disco, que sai no mês que vem, foi gravado em junho de 2008, na frente de uma pequena plateia de fãs e amigos da banda, e conta com nove músicas: "No remorse", " Fuel", "Harvester of sorrow", "Welcome home (Sanitarium)", "For whom the bell tolls", "Master of puppets", "Sad but true", "Motorbreath" e "Seek and destroy".

*****

A banda The National fez algo bem inusitado durante um show em Nashville no fim de semana passado: uma versão acústica, sem amplificação alguma, de "Vanderlyle crybaby geeks", faixa de seu último álbum "High violet" (2010). Olha só como ficou bonito:



*****

Um dos filmes mais amados de todos os tempos completa 50 anos hoje. Estou falando de "Spartacus", dirigido por Stanley Kubrick, e estrelado por Kirk Douglas, Laurence Olivier, Peter Ustinov, Jean Simmons e Tony Curtis. Épico, o filme conta a história do escravo que sonha com o fim da escravidão no Império Romano. O filme, com as suas três horas e tanto de duração, faturou quantro estatuetas do Oscar, incluindo melhor ator coadjuvante, para Peter Ustinov.



*****

Se você perguntar a qualquer moleque que goste de rock, e tenha na faixa dos 30, 30 e poucos anos, qual o álbum da sua adolescência, a resposta será "Nevermind", do Nirvana. Como sou do contra, fico com "Automatic for the people", para mim, o grande álbum de rock da década de 90. Em 1991/92, o R.E.M. estourou com "Losing my religion", que fazia parte do álbum "Out of time" (1991). Depois dele, a responsabilidade ficou maior. Como ser popular e manter a mesma integridade artística de sempre? "Automatic for the people" foi a resposta. Perfeito do início ao fim, o disco traz pérolas pop como "Man on the moon" e "Sidewinder sleeps tonite" ao lado de coisas belíssimas (mas de digestão não tão fácil) como "Sweetness follows", "Nightswimming" e "Find the river". E ainda tinha uma música que ficava no meio do caminho e que se transformou num dos hinos da banda de Michael Stipe: "Everybody hurts". Em suma, o "meu Nevermind" atende pelo nome de "Automatic for the people".



*****

Nesse segundo semestre, o Brasil vai receber shows de Paul McCartney, Smashing Pumpkins, Pavement, Queens Of The Stone Age, Dave Matthews Band, Rush, Scissor Sisters, Jeff Beck, só para citar alguns. Mas 20 anos atrás, as coisas não eram tão fáceis assim. Se você visse um show desse nível por ano, aqui no Brasil, já estava de bom tamanho. E foi no dia 07 de outubro de 1990 que Eric Clapton colocou a Praça da Apoteose para tremer. Não estive no show, mas é comum ouvir dizer coisas do tipo "foi o melhor show da minha vida". Achei o setlist da apresentação na internet. Não sei se está certo, mas, ao que tudo indica, foi esse aqui: "Pretending", "No Alibis", "Running On Faith", "I Shot the Sheriff", "White Room", "Can't Find My Way Home", "Bad Love", "Before You Accuse Me", "Old Love", "Badge", "Wonderful Tonight", "Cocaine", "Layla", "Crossroads" e "Sunshine Of Your Love". Deve ter sido bom, né?



*****

O rock brasileiro está morrendo. E não sou só eu que acho isso. Já andei até lendo que deveriam matar o rock brasileiro para ele nascer de novo. Concordo. Triste ver a molecada crescendo berrando as músicas dessas bandinhas mais novas. Ainda bem que pude crescer berrando as músicas da Legião Urbana, do Barão Vermelho, dos Titãs e dos Paralamas do Sucesso. Eu digo isso porque, na minha opinião, a última coisa bacana que aconteceu no rock brasileiro foi o surgimento da cantora Pitty, com o álbum "Admirável chip novo", de 2003. Cheia de atitude, a baianinha faz um rock porreta, e o seu último disco, "Chiaroscope" (2009) é bem bacana. Vida longa para a Pitty, que hoje faz 33 anos.



*****

Bom dia, pessoal! Como vão as coisas, hein? Fim de semana quase chegando, sol brilhando, temperatura amena... Tudo de bom, né? E tudo de bom também para Thom Yorke, compositor e vocalista do Radiohead, que hoje completa 42 anos. Ah, o que eu vou falar do Radiohead? Que é uma das bandas mais originais dos últimos tempos? Que os seus álbuns são animais? Que o show que passou aqui pelo Brasil no ano passado foi um dos melhores que já vi? Isso todo mundo já sabe, né? Então, eu vou dizer aqui qual é a minha música predileta do Radiohead...