13 de jul de 2010

Roqueiros e Sertanejos, João Bosco, Ford, Ghost, REM, Yamandu+Dominguinhos, Iron Maiden, U2, 50 Cent, Morrissey, PiL, Hook, Flying Lotus, Paulo Moura

PAULO MOURA - 17/02/1932 - 12/07/2010



*****

Morrissey anunciou hoje que vai lançar uma edição comemorativa dos 20 anos de seu álbum "Bona drag", com seis faixas inéditas. O álbum, originalmente lançado em 1990, conta com os primeiros sete singles da carreira solo de Moz, após a sua saída do The Smiths. O cantor foi o responsável pela remasterização do álbum, que tem previsão de lançamento para o dia 27 de setembro. As faixas extras de "Bona drag" são essas aqui: "Happy lovers at last united", "Lifeguard on duty", "Please help the cause against loneliness", "Oh Phoney", "The bed took fire" e "Let the right one slip in".

*****

Lindíssimo o novo videoclipe do Flying Lotus, "MmmHmm"...



*****

Peter Hook (ex-baixista do New Order e do Joy Division) está fazendo uma pequena turnê na qual apresenta a íntegra da obra-prima "Unknown pleasures" (1979), do Joy Division. Só que a apresentação que acontecerá no festival Vintage At Goodwood, na Inglaterra, será especial. Nesse show, Hook se apresentará acompanhado de coro e orquestra. A apresentação acontecerá no dia 15 de agosto, e o line-up do festival conta com o The Faces (Mick "Simply Red" Hucknall no lugar de Rod Stewart).

*****

John Lydon querendo ressuscitar o PiL??

*****

A turnê brasileira do 50 Cent começou bem em Salvador...



*****

Os shows do U2 que aconteceriam nesse verão nos Estados Unidos foram remarcados para o ano que vem. As novas datas estão no site oficial da banda irlandesa.

*****

Um quiz bacana sobre o rock. Acertei 17 questões...

*****

Estreou hoje o novo videoclipe do Iron Maiden, "Final frontier". O vídeo, no melhor estilo "Guerra nas estrelas", apresenta a faixa-título do novo álbum dos ingleses - que será lançado no dia 16 de agosto. A música faz o mesmo gênero que os fãs do Iron adoram. Nada de muito especial. E o videoclipe ficou um pouco, digamos..., exagerado demais. Mas esse é o Iron Maiden mesmo.



*****

Yamandu Costa e Dominguinhos vão dar continuidade a parceria que começou em 2007, com o lançamento de um CD e de um DVD. Chega às lojas nos próximos dias o álbum "Lado B" (capa acima). "Queríamos transmitir neste trabalho um clima de relaxamento, a maneira tranquila como gravamos, sem egotrip, do mesmo jeito do primeiro. Foi, como sempre aconteceu entre a gente, muito harmônico", disse Yamandu no release do CD. Sobre o repertório escolhido, o violonista explicou: "Tínhamos vontade de relembrar o cancioneiro mais antigo numa concepção bem simples. O repertório foi escolhido aleatoriamente, íamos lembrando e selecionando músicas que gostávamos. Nada foi pré-concebido, as canções foram aparecendo naturalmente". A relação de faixas de "Lado B" (que mistura composições de gente como Ary Barroso, Lupicínio Rodrigues, Augustin Lara e Bororó)é a seguinte: "Da cor do pecado", "Noites sergipanas", "Fuga pro Nordeste", "Doce de coco", "Homenagem a Chiquinho", "Naquele tempo", "Sanfona de cordel", "Homenagem a Pixinguinha", "Choro do gago", "Chorando em Passo Fundo", "Carioquinha", "Felicidade", "Pau de arara", "No rancho fundo" e "Solamente una vez".

*****

Essa aqui é quente: o R.E.M. informou hoje que terminou as gravações de seu novo álbum. As gravações aconteceram nas cidades de Portland e Nova Orleans (Estados Unidos), e terminaram em Berlim, com produção de Jacknife Lee, o mesmo responsável por "Accelerate" (2008). O álbum começa a ser mixado nos proximos dias, e a previsão de lançamento é para o início de 2011.

*****

Continuando no cinema, há exatos 20 anos estreava um dos filmes que as pessoas mais gostam de criticar: "Ghost - Do outro lado da vida". O filme conta a história de Sam, que após ser morto, "volta" para ajudar a sua esposa, que também corre risco de ser assassinada. O elenco estrelado contava com Patrick Swayze (no papel de Sam), Demi Moore (a esposa) e Whoopi Goldberg (a médium). A direção foi de Jerry Zucker. E, vem cá, você pode até criticar esse filme. Mas tenho certeza que chorou...



*****

Depois de sertanejos, roqueiros e um dos mestres da MPB, quero falar um pouco de cinema. O ator Harrison Ford completa 68 anos hoje (tá ficando véio, hein?). Acho que o primeiro filme que vi com Harrison Ford (e nem sabia quem ele era) foi "Guerra nas estrelas". Depois, a trilogia do "Indiana Jones", "Blade Runner", "Jogos patrióticos", "O fugitivo" (amo de paixão esse filme), "Sabrina" (uma das trilhas sonoras mais sensacionais de todos os tempos, thanks Gilberto Braga), "Força aérea um", "Inimigo íntimo"... Ufa, a lista é grande, e devo ter me esquecido de vários. Já tem um tempo, li em em algum lugar que Harrison Ford, antes de virar ator, era jardineiro do músico brasileiro Sérgio Mendes. Alguém confirma essa história?



*****

Hum, e hoje é aniversário de um dos caras que mais admiro na Música Popular Brasileira. João Bosco nasceu em Ponte Nova (MG) a 13 de julho de 1946. Dizer que ele é um dos maiores violonistas do mundo é fácil, difícil mesmo é listar os seus melhores álbuns. Isso porque, a regularidade é uma das marcas registradas de João Bosco. Desde a sua estreia, com o álbum "João Bosco" (de 1973, o que tem "Bala com bala") até o último, o sensacional "Não vou pro céu, mas já não vivo no chão", discos bons não faltam na história de João Bosco. Mas se você quiser saber o meu predileto, arrisco " Malabaristas do sinal vermelho" (2003), com parcerias de João com o seu filho Francisco Bosco. E a música abaixo foi a que mais ouvi nesse último mês, por conta do programa "Linha de passe", da ESPN Brasil, e que passou todos os dias nessa Copa.



*****

Ah, e todo mundo já deve saber que hoje, dia 13 de julho, é o Dia Mundial do Rock. Mas por que esse dia? Porque foi no dia 13 de julho de 1985 que foi realizado o Live Aid, evento de música idealizado por Bob Geldof para arrecadar uma grana para combater a fome na África. Foram dois mega-shows, um em Londres e outro na Filadélfia, com um público de 170 mil pessoas nos estádios e mais de 1,5 bilhão pela televisão. Saca só quem participou do Live Aid: Queen (cuja apresentação no evento, até hoje, é considerada uma das mais arrebatadoras de todos os tempos), U2, The Who, Paul McCartney, Mick Jagger, Bob Dylan, Beach Boys, Elton John, Madonna, David Bowie, Duran Duran, Sting e até mesmo uma reunião do Led Zeppelin com Phil Collins na bateria.



*****

Boa tarde, pessoal! Como estão as coisas, hein? Olha, comecei o post com "Amanheceu, peguei a viola", de Renato Teixeira, em homenagem ao Dia Nacional dos Cantores e Compositores Sertanejos, que é comemorado no dia 13 de julho. O preconceito rola solto com a música sertaneja. Também, não é pra menos. Com essas porcariadas de hoje em dia que se dizem sertanejos, qualquer um morreria de vergonha. Mas aqui fica a minha homenagem aos caipiras de verdade, de raiz, que fazem (ou fizeram) músicas lindíssimas, como Pena Branca, Xavantinho, Renato Teixeira, Tonico, Tinoco, Alvarenga, Ranchinho, Catulo da Paixão Cearense, Rolando Boldrin, Almir Sater, Sérgio Reis, entre outros sertanejos DE VERDADE que a gente nem tem conhecimento.

*****