10 de jul de 2010

Neil Tennant, Coldplay, Dancin' Days, Fred Zero Quatro, Paolo Rossi, DMB, Paulo Moura, R.E.M., Queens Of The Stone Age, Kasabian, Milton, Torres

UMA MÚSICA PRO FINAL DE SEMANA: Bom, amanhã é a final da Copa do Mundo 2010. E a única música que poderia colocar aqui hoje é "Um cafuné na cabeça, malandro, eu quero até de macaco", parceria de Milton Nascimento e Leila Diniz. "Brigam Espanha e Holanda pelos direitos do mar..." Amanhã, os dois países brigarão pela Copa do Mundo. Acho que se a Espanha ganhar, será feita a justiça nessa Copa, porque ela mostrou o futebol mais bonito (junto com a Alemanha) nesse último mês. Se a Holanda vencer, acho que será reparada uma injustiça histórica. Os laranjas já deveriam ter ganho uma Copa do Mundo há muito tempo, não? Pena que, em 1974, a Alemanha tinha um time tão bom quanto o da Holanda. E em 1978, ninguém ganharia mesmo da ditadura argentina do general Jorge Rafael Videla. Enfim, que vença o melhor amanhã. Mas eu sou Espanha e não abro. E ainda tenho esperança que Fernando Torres marque o gol do título.



*****

"O Kasabian levou a Espanha a final da Copa do Mundo". Quem disse essa frase foi Fernando Torres, o craque-artilheiro(devedor) do Liverpool e da seleção espanhola. Torres disse ao The Sun que a música "Club foot", da banda britânica tem inspirado o time antes de cada jogo da Copa. E tem mais: ele já garantiu que a seleção vai escutar a música antes da final amanhã contra a Holanda. "Se a gente ganhar a Copa, gostaria de presentear a banda com uma camisa autografada por todos nós, porque a música serviu de inspiração para nós, antes dos jogos, no vestiário", afirmou. Então, essa aqui vai para o Fernando Torres se inspirar amanhã...



*****

A banda Queens Of The Stone Age está pensando em fazer uma série de shows para apresentar todos os seus cinco álbuns na íntegra. "Outro dia, nós conversamos sobre o quanto gostamos de ver o Cheap Trick apresentar os seus três primeiros álbuns, e pensamos em fazer cinco shows, um para cada disco que a gente gravou", disse Josh Homme à Rolling Stone. O QOTSA será um dos headliners dos festivais de Reading e de Leeds, na Inglaterra.

*****

Na terça-feira sai lá fora a super-ultra-mega edição de 25 anos do super-ultra-mega disco "Fables of the reconstruction", do R.E.M. E, para já preparar os ouvidos dos fãs, a banda de Michael Stipe liberou, em seu site oficial, a faixa "Throw those trolls away", que fará parte do CD bônus, "The Athens demos". Quer ouvir? Clica aqui.

*****

Força Paulo Moura!

*****

A notícia já é meio velha, mas não posso deixar de compartilhar a minha alegria com vocês ao saber que a Dave Matthews Band fará uma show no Rio de Janeiro, antes do Itustock. A apresentação acontecerá na HSBC Arena (quem foi ao show deles em 2008 sabe que o Vivo Rio ficou pequeno para a banda), no dia 08 de outubro. E olha que beleza: o show cai numa sexta-feira! Com show da DMB no dia 08, e do Rush no dia 10, quero que se dane o Itustock, com o seu line-up meia-bomba, os preços extorsivos e a palhaçada da pista VIP. Só fico com pena por causa dos Pixies, mas... quem sabe eles não resolvem tocar no Rio... ou em Buenos Aires... A data de início das vendas e os preços do show da DMB no Rio ainda não foram divulgados. Então, só para ir esquentando, a música deles que eu mais gosto...



*****

Posso falar de Copa do Mundo mais uma vez?? Ah, deixa... Eu prometo que está acabando, tá? Olha, outro dia lembrei aqui da "tragédia do Sarriá", quando o Paolo Rossi despachou o Brasil pra casa. Bom, e amanhã, dia da final da Copa de 2010, fará 28 anos que a Itália venceu a Copa da Espanha. Na final, a seleção italiana derrotou a Alemanha Ocidental por três a um. E pelo menos uma pessoa ficou feliz com a eliminação do Brasil: o juiz Arnaldo Cezar Coelho, que, assim, pôde apitar a final - e dar o seu showzinho levantando a bola ao apito final. Dizem que o Brasil foi o "campeão moral" dessa Copa. Tinha sim um grande time à época, mas a Itália também não era de se jogar fora. Olha só a escalação da final: Zoff, Graziani, Bergomi, Scirea, Collovati, Gentile, Conti, Paolo Rossi, Oriali, Cabrini e Tardelli. Altobelli entrou no lugar de Graziani, e marcou o derradeiro gol italiano.



*****

Agora chega de falar do dia 10 de julho, e vamos ver o que tem de bom no dia 11 de julho. Até mesmo porque, amanhã é dia de descansar essa lombar podre com quatro hérnias de disco... Quem faz 45 anos amanhã é o compositor e cantor Fred Zero Quatro, do Mundo Livre S/A, banda que foi, ao lado de Chico Science & Nação Zumbi, a principal expoente do mangue beat. E se você tiver a fim de ouvir uma obra-prima, experimente "Samba esquema noise", álbum que o Mundo Livre S/A lançou em 1994.



*****

Olha, eu nem era nascido, mas todo mundo fala tanto dessa novela, que fiquei com vontade de lembrar aqui da sua estreia. O primeiro capítulo de "Dancin' days", do grande Gilberto Braga, foi ao ar no dia 10 de julho de 1978. A novela contava a história de Júlia de Souza Matos, uma ex-presidiária, que matou o seu marido de forma acidental, e, após 11 anos, tenta se reaproximar da filha, que foi morar com uma tia ricaça. Uma trama, aliás, parecida demais com a de "A favorita", de João Emmanuel Carneiro. No elenco, só fera, veja: Sônia Braga, Joana Fomm, Antônio Fagundes, Glória Pires, Reginaldo Faria, José Lewgoy, Cláudio Corrêa e Castro, Milton Moraes, Ary Fontoura, Beatriz Segall, Yara Amaral, Mário Lago, Mauro Mendonça... Ufa! Saudades do tempo em que atores de verdade atuavam em novelas, e não esses modelinhos bestas que só sabem aparecem nas revistas de celebridades... Ah, se você quiser relembrar a abertura da novela, ela está aqui.



*****

Eu não sei se estou ficando velho rápido demais, ou se o tempo não passa mais como antigamente. Mas fiquei impressionado ao abrir a minha agenda de efemérides e me deparar com a lembrança de que hoje faz 10 anos que o Coldplay lançou o seu primeiro álbum, "Parachutes". Logo que ele saiu, passou meio batido por aqui. Um tio meu estava nos Estados Unidos na semana de lançamento de "Parachutes" e o trouxe para mim. Quando ouvi, nenhuma música fazia sucesso no Brasil. Mas, pouco tempo depois, as rádios (sim, na época, as pessoas ainda ouviam rádio) começaram a tocar "Shiver", "Sparks", "Yellow", "Trouble" e "Everything's not lost". Analisando dez anos depois, dá pra chegar à conclusão de que foi uma bela estreia. Se você quiser relembrar um bom momento de "Parachutes", clique aqui.

*****

Tá bom, já falei de pizza, e agora quero falar sobre um dos caras mais elegantes da música. Tem gente que adora falar mal do Pet Shop Boys. "Ultrapassados, chatos, velhos, e sei lá mais o quê..." Mas essa mesma gente que fala mal adora ouvir "Go west", "Being boring", "Always on my mind", "It's a sin", "Rent", "West End girls"... E vou te dizer uma coisa: pegue qualquer DVD do Pet Shop Boys e repare na classe e elegância de Neil Tennant. É um artista sensacional em todos os sentidos. Por isso que fica aqui a minha lembrança pelos seus 56 anos comemorados hoje.



*****

Hum, já ficou com fome é? Bom, essa pizza aí em cima não é para deixar ninguém com água na boca não, mas, tão somente, para lembrar que hoje é o Dia da Pizza! Não, não foi em algum 10 de julho da vida que alguma CPI foi engavetada. Até mesmo porque, nesse caso, todo dia seria dia da pizza no Brasil. Na verdade, há duas explicações para hoje ser o dia da pizza. A primeira é que foi no dia 10 de julho de 1889, que teria sido criada uma pizza com as cores da bandeira da Itália (vermelho do tomate, branco do queijo e verde do manjericão) para ser servida à rainha Margherita. A segunda explicação está relacionada à cidade de São Paulo, pois no dia 10 de julho de 1985, 5.500 restaurantes serviram pizza em seus cardápios. O então secretário de turismo da cidade, Caio Luís de Carvalho, nesse dia, fez um concurso na cidade para eleger a melhor receita que levasse mussarela e margherita. A data então foi escolhida para festejar a pizza. Simples assim.

*****

Ôpa! Muitíssimo bom dia pessoal. Como andam as coisas, hein? :)) Nossa, os dias estão tão bonitos. Que vontade de correr. Mas falta tempo. E ontem ainda arrebentei o meu pé brincando com o Jimi Hendrix. Nada de corrida, então... Aliás, já vou avisando que viajo no dia 15 e vou passar 20 dias fora. Prometo levar o laptop para, dentro do possível, atualizar esse blog. Mas não esperem essa assiduidade toda. Quando voltar de viagem, aí sim tudo fica como antes. Mas enquanto estiver por lá, será bem light...