2 de nov de 2010

R.E.M., Police, Raimundos, Jovelina, Secos & Molhados, Elza Soares, Joy Division, Cuomo, Franz, Gaga, McCartney, Yes, Amy, Iron, Beady Eye, Garbage

Chega às lojas na semana que vem o DVD "Uma noite em 67". O documentário faz um apanhado do 3º Festival da MPB da TV Record, vencido por Edu Lobo e a sua "Ponteio". No mesmo festival concorreram Caetano Veloso, Chico Buarque, Gilberto Gil (com os Mutantes), Roberto Carlos e Sérgio Ricardo (que quebrou o seu violão e o arremessou ao público). O DVD vem com extras, como músicas não incluídas na edição final do filme e entrevistas com Chico Buarque, Caetano Veloso, Marília Medalha, Ferreira Gullar, Sérgio Ricardo e Johnny Alf.

*****

Só digo uma coisa: Lou Reed no mesmo dia do Planeta Terra e do show do Paul McCartney é muita sacanagem.

*****

Agora é oficial. O Garbage está gravando um novo álbum. A vocalista Shirley Manson confirmou ao The Herald que o sucessor de "Bleed like me" (2005) não deve demorar muito para chegar às lojas. "Estou trabalhando em um disco com a banda. Já gravamos muita coisa, mas é difícil precisar a quantidade", disse. Manson afirmou ainda que a banda pretende sair em turnê no ano que vem.

*****

A nova banda de Liam Gallagher (ex-Oasis) já filmou o primeiro videoclipe de sua carreira. A dançarina Georgia Amodu, que trabalhou na produção, postou a informação em sua conta no Twitter. O blog de fãs Stop Crying Your Heart Out, por sua vez, afirmou que o vídeo foi dirigido por Richard Ayoade, que já trabalhou com o Arctic Monkeys. O beady Eye está em estúdio gravando o seu álbum de estreia, com produção de Steve Lillywhite. AInda não há previsão de lançamento.

*****

A notícia boa para os fãs do Iron Maiden: a banda britânica confirmou, em seu site oficial, seis apresentações da sua "Final frontier world tour", no Brasil, ano que vem. Anote aí as datas:
26/03/2011 - Estádio do Morumbi, São Paulo
27/03/2011 - HSBC Arena, Rio de Janeiro
30/03/2011 - Autódromo Nelson Piquet, Brasília
01/04/2011 - Parque de Exposições, Belém
03/04/2011 - Parque de Exposições, Recife
05/04/2011 - Expotrade, Curitiba

Quando tiver mais detalhes, eu posto aqui no blog.

*****

Hum, gostei muito da nova música da Amy Winehouse, hein? "It's my party"...



*****

O Yes está em estúdio gravando o 20º álbum de sua carreira. A atual formação da banda conta com Chris Squire (baixo), Steve Howe (guitarra), Alan White (bateria), Oliver Wakeman (teclados) e o vocalista novato Benoit David, substituindo (ao que parece, em definitivo) Jon Anderson. A previsão de lançamento é para o segundo semestre de 2011. O último trabalho do Yes, "Magnification", saiu em 2001.

*****

Essa revelação do Paul MCartney aqui me surpreendeu... Ele disse que todas as demos do "Band on the run" (1973) foram roubadas antes da gravação do disco. Em entrevista especial a Tom Meighan, do Kasabian, para a New Musical Express, o ex-integrante dos Beatles disse que o roubo aconteceu na Nigéria. "Eram uns quatro caras, e um pequeno que tinha uma faca. Eu disse que tinha somente as minhas demos, e eles levaram tudo. Tive que lembrar todas as músicas novamente na hora de gravar o disco. A sorte é que eu consegui", disse Paul McCartney. Então, não se surpreenda se um dia você ouvir falar que estão rolando gravações raras de "Band on the run" por alguma tribo na África...

Ah, e por falar em Paul, viu a entrevista dele para o Fantástico no domingo??

*****

Se você quiser virar especialista em Gagalogia, já tem como. A Universidade da Carolina do Sul, nos Estados Unidos tem uma cadeira chamada "Lady Gaga e a sociologia da fama", com uma abordagem "sociológica" (segundo o professor) da obra da cantora. O professor Mathieu Deflem disse que teve a ideia depois de assistir a 30 shows de Lady Gaga. Ele também possui mais de 300 gravações da cantora, e criou o site de fãs Gagafrontrow.net. Aos interessados, o programa pode ser lido aqui.

*****

A banda The Decemberists anunciou a data de lançamento e o nome de seu novo álbum. "The king is dead" chega às lojas no dia 11 de janeiro do ano que vem (eu já deveria ter comprado uma agenda de 2011), com 10 faixas. O sexto trabalho de estúdio da banda conta com a participação de Peter Buck, do R.E.M. e do Tired Pony. A relação de faixas é a seguinte: "Don't carry it all", "Calamity song", "Rise to me", "Rox in the box", "January hymn", "Down by the water", "All arise!", "June hymn", "This is why we fight" e "Dear Avery".

*****

O Franz Ferdinand anunciou que vai voltar a se apresentar no próximo mês de novembro. Serão três shows em cidades espanholas: Barcelona, San Sebastian e Málaga, nos dias 04, 06 e 08, respectivamente. Os shows serão secretos, então os locais só serão divulgados poucas horas antes das apresentações. Será que rola material novo? Será que rola material bom, depois do modorrento "Tonight: Franz Ferdinand" (2009)??

*****

"Eu posso me ver cantando pelos próximos vinte anos. Alguém terá que me expulsar do palco." (Rivers Cuomo, vocalista do Weezer, ao Nola.com, tirando a esperança de qualquer fã que tenha assinado a petição para que a banda se separasse)

*****

Falando em vinil, o Joy Division também vai lançar uma caixa com dez discos de sete polegadas (o bom e velho single). "+-" (esse é o nome do box) trará alguns disquinhos inéditos, criados exatamente para essa caixa, que terá edição limitada a cinco mil cópias. As faixas são as seguintes: 1) "Warsaw" / "Leaders of men"; 2) "No love lost" / "Failures"; 3) "Digital" / "Glass"; 4) "Autosuggestion" / "From safety to where"; 5) "Transmission" / "Novelty"; 6) "Atmosphere" / "Dead souls"; 7) "Komakino" / "Incubation" / "As you said"; 8) "Love will tear us apart" / "These days"; 9) "She's lost control" / "Love will tear us apart 2"; 10) "Isolation" / "Heart and soul". O design do box foi assinado pelo velho colaborador da banda, Peter Saville.

*****

O selo Discobertas, do Marcelo Fróes, está colocando nas lojas seis álbuns (vendidos separadamente) da Elza Soares: "Elza Soares" (1974), "Nos braços do samba" (1975), "Lição de vida" (1976), "Pilão + raça = Elza" (1977), "Somos todos iguais" (1985) e "Voltei" (1988). Para os colecionadores, o grande destaque do pacote é o disco de 1985, que nunca havia saído em CD. Os outros estão presentes no fabuloso box (também produzido por Marcelo Fróes) que a EMI lançou faz uns sete anos, e já está fora de catálogo. "Somos todos iguais" traz canções como "Osso, pele e pano" (Jorge Aragão), "Daquele amor nem me fale" (João Donato e Martinho da Vila) e o clássico samba "Heróis da liberdade" (Mano Décio da Viola e Silas de Oliveira). Destaque também para a gravação de "Milagres", letra do grande amigo de Elza, Cazuza, e o dueto com Caetano Veloso em "Sophisticated lady", de Duke Ellington. Todos os relançamentos vêm com faixas bônus.

*****

Ainda nesse mês de novembro, a Polysom lança mais quatro álbuns nacionais em edição vinil de 180 gramas. São eles: "Aqui, ali, em qualquer lugar" (Rita Lee), "Cabeça dinossauro" (Titãs), "Estudando o samba" (Tom Zé) e o primeiro disco do Secos & Molhados. O preço médio varia entre aquilo mesmo: 90 e 100 reais. Só não deu pra entender a escolha desse álbum da Rita Lee, um dos mais sem graça de sua carreira. Certamente a EMI (gravadora do período áureo da cantora) não liberou que a Polysom lançasse coisas como "Fruto proibido" (1975). Pena. Tomara que ela o faça um dia.

*****

Vai um sambinha pra animar? Tem gente que é tão especial que escolhe para morrer no Dia de Finados. Foi o caso da magnífica Jovelina Pérola Negra, que partiu dessa pra melhor em 1998. Fico muito feliz quando, em um show do Zeca Pagodinho, vejo a galera cantando coisas como "Bagaço da laranja", "Luz do repente" ou "Feirinha na Pavuna". Nesses momentos, a Pérola Negra deve abrir uma cerveja lá com os anjos e abrir aquele seu sorriso.



*****

Opa, peraí caceta... Eu falei do "MTV - Ao vivo", dos Raimundos, outro dia aqui no blog. Mas vou falar de novo sobre a banda. Em 02 de novembro de 1995, chegava às lojas o segundo álbum dela: "Lavô tá novo". Sim, foi um dos discos que mais ouvi na minha insuportavelmente chata adolescência. Já gostava muito do primeiro álbum, mas esse segundo, pra mim, superou. Mesmo dentro de uma grande gravadora, a banda soube manter a sua integridade. Tudo bem que o fã mais radical vai perguntar: "ah, e 'I saw you saying'?". Bom, pra mim, foi uma puta de uma ironia. Ainda mais porque, um pouquinho antes, você podia ouvir "Eu quero ver o oco" ou "Esporrei na manivela". Grande banda. Se tivesse por aí até hoje com todos os seus integrantes originais, seria uma das melhores do país. (Obrigado, mais uma vez, a Paulo Marchetti)



*****

Então chega de papo furado porque hoje faz 32 anos que "Outlandos d'Amour", álbum de estreia do The Police, chegou às lojas. Ah, foi uma bela estreia desse que foi um dos melhores trios da história do rock, não é verdade? A identidade sonora da banda já estava toda presente nesse álbum: um rock com pitada de reggae, dub, a bateria animal do gênio Stewart Copeland... Ou seja, a banda já entrou em campo pra golear - metáfora futebolística é muito cafona, mas estou ressacado demais para pensar em algo melhor... E, cá pra nós, são poucas as bandas que lançam um primeiro disco com clássicos como "Roxanne", "Can't stand losing you", "So lonely" e "Next to you", né não?



*****

Nossa, falando assim, parece que fiquei um ano sem aparecer por aqui. Foram só dois dias. E no domingo vocês leram minhas resenhas, né? Não sei se foi a bebedeira ontem - é, ontem, eu bebi muito - mas tive um sonho déjà vú total nessa noite. Foi como se eu estivesse revivendo a cena novamente. Igualzinha como ela foi. Pode parecer sacanagem, mas até o cheiro eu conseguia sentir. Sabe qual foi o momento? Esse aqui:



*****

Salve! Salve! Hoje acordei meio Pedro Bial, saca? Olha, foi mal a ausência no sábado e na segunda. Não foi vagabundagem, não. É que ainda estava (estou) com a mão esquerda ferrada por conta daquele acidente. Tá muito ruim digitar assim. Mas prometi que de hoje não passava. Tipo, ou eu voltava para o blog hoje ou me matava. Achei melhor voltar. E já que não me matei, acho que o Dia dos Mortos é um bom dia para a volta, não?