30 de abr de 2010

Mestre Caymmi, Willie Nelson, Lester, Muddy, Gonzaguinha, Brandon, Aguilera, Rihanna, Jack White, Jay-Z, Stipe, Kiss, Ooks, Neil, Gaye, Mettalica

O Music Radar fez uma enquete para eleger o melhor álbum de heavy metal de todos os tempos. Deu "Master of puppets", do Metallica, na cabeça. A classificação, em ordem crescente, foi a seguinte: 1) Metallica - "Master of puppets" (1986); 2) Iron Maiden - "The number of the beast" (1982); 3) Guns n' Roses - "Appetite for destruction" (1987); 4) Metallica - "Ride the lightning" (1984); 5) Slayer - "Reign in blood" (1986); 6) Megadeth - "Rust in peace" (1990); 7) Black Sabbath – "Paranoid" (1970); 8) AC/DC - "Back in black" (1980); 9) Pantera - "Vulgar display of power" (1992); e 10) Iron Maiden – "Powerslave" (1984).

*****

"AND THE OSCAR GOES TO": O site Gigwise fez uma votação entre os seus leitores para eleger a música de protesto mais importante de todos os tempos. O top 5 foi o seguinte: 5) "Ohio" (Crosby, Stills, Nash & Young); 4) "Eve of destruction" (Barry McGuire); 3) "Give peace a chance" (John Lennon); 2) "Strange fruit" (Billie Holiday); e 1) "What's going on" (Marvin Gaye).



*****

DA SÉRIE "POR QUE EU AMO O MICHAEL STIPE" (5):



*****

#medo(2): Uma emissora de rádio britânica elegeu "My heart will go on", na voz da Celine Dion, a melhor música do cinema em todos os tempos.

*****

DA SÉRIE "POR QUE EU AMO O MICHAEL STIPE" (4):



*****

Adorei essa versão de "Kids", do MGMT, feita pelo Ooks of Hazzard, cheia de ukelelês.



*****

DA SÉRIE "POR QUE EU AMO O MICHAEL STIPE" (3):



*****

"O Kiss é maior do que o Mickey Mouse." (Gene Simmons, em entrevista ao Daily Telegraph)

*****

DA SÉRIE "POR QUE EU AMO O MICHAEL STIPE" (2):



*****

Achei!


*****

DA SÉRIE "POR QUE EU AMO O MICHAEL STIPE" (1):



*****

DA SÉRIE "MINHA VIDA MUDOU DEPOIS DESSA NOTÍCIA": William Bonner abandona o Twitter.

*****

#medo: Jack White anunciou que quer gravar um álbum com Jay-Z.

*****

Como é que Noel e Liam Gallagher permitiram essa tosqueira??



*****

Está difícil conseguir assistir ao videoclipe de "Not myself tonight", de Christina Aguilera. Dizem que está uma cópia só de "Bad romance", da Lady Gaga.

*****

MAIS UM: Depois do baterista Ronnie Vanucci, agora é a vez de Brandon Flowers, vocalista do The Killers, anunciar o seu projeto paralelo. O site oficial da banda informa que o álbum solo de Flowers, "Flamingo", is "coming soon". Flowers nega que o grupo esteja se separando.

*****

Mas o dia 30 de abril também guarda alguma tristeza para os brasileiros. Nesse dia, em 1991, morria Gonzaguinha, reconhecidamente um dos maiores compositores da história de nossa música. Os seus sucessos foram inúmeros: "Sangrando", "O que é, o que é", "Grito de alerta", "Ponto de interrogação", "É", "Espere por mim, morena"... O carioca do morro de São Carlos foi gravado por muita gente, especialmente Simone e Maria Bethânia. Transitando entre as canções de protesto e as de amor, Gonzaguinha era o cara que conseguia escrever versos como "Você deve rezar pelo bem do patrão / E esquecer que está desempregado" e "Há um lado carente / Dizendo que sim / E essa vida da gente / Gritando que não". Por isso que ele faz tanta falta.



*****

E 28 anos sem Bangs e 27 sem Muddy Waters. No dia 30 de abril de 1983, o"pai do blues de Chicago" partia lá pra cima, deixando clássicos como "Rollin' Stone", "Hoochie Coochie Man", "Mannish Boy" e "Got My Mojo Working". A sua obra é constantemente revivida por artistas como Eric Clapton, Jeff Beck e os Rolling Stones, que, volta e meia, incluem alguma música de Waters no repertório de seus shows.



*****

Hoje completamos 28 anos sem a presença de Lester Bangs. Quem escreve ou lê sobre música sabe muito bem da importância desse cara, um dos maiores críticos de rock. O seu livro "Psychotic reactions" (que foi lançado no Brasil há uns cinco anos com o título, acho!, "Reações psicóticas") é obrigatório para qualquer um que queira se aventurar no jornalismo musical - ou simplesmente goste de ler bons textos sobre música. E para os que não têm saco de ler, recomendo o filme "Quase famosos", inspirado em Bangs.

*****

Quem faz 77 anos hoje é Willie Nelson, um dos expoentes da música country. Com quase uma centena de discos lançados, Willie Nelson gravou algumas pérolas como "Stardust", faixa-título de seu álbum de 1978, cujo bolachão era um dos mais ouvidos pelo meu pai quando eu tinha meus 4, 5 anos.



*****

E hoje, dia 30 de abril de 2010, começaremos por onde? Molinho, molinho... Hoje é aniversário de Dorival Caymmi, o gênio da raça da Música Popular Brasileira. O maior de todos. Se vivo fosse, Mestre Dorival estaria completando 96 anos. Em 30 de abril de 2004, senti uma das maiores emoções da minha vida. Dorival Caymmi fazia 90 anos, e seus filhos, Nana, Dori e Danilo apresentaram um show no Canecão com a presença do pai na primeira fila. Desse espetáculo, um flash nunca sai - e nunca vai sair - da minha cabeça. Dorival Caymmi já não tinha forças para cantar acompanhando os filhos em cima do palco. Durante "Saudade da Bahia", mais especificamente nos versos "Pobre de quem acredita / Na glória e no dinheiro para ser feliz", olhei para o lado e vi Dorival, com os olhos marejados, cantando a letra, baixinho. Fechei os olhos e, não sei como, as vozes de Dori, Nana e Danilo desapareceram. Naquele momento, só conseguia ouvir Dorival Caymmi sussurrando aqueles versos no meu inconsciente. Sei que pode parecer pretensão minha. Mas ninguém me tira da cabeça que, naquele dia, Dorival Caymmi cantou somente para mim no Canecão.



*****

Hoje eu quero começar com uma história que eu ri muito ontem. Recebi um e-mail da Fnac, com o título: "Associado Fnac ganha Blu-ray do 'Avatar'. Saiba como!" Na minha ignorância profunda, imaginei que a loja mandaria um BD para cada um de seus associados. Tipo presentinho mesmo. Mas descobri que não. O associado da Fnac pode sim ganhar um BD do "Avatar". Mas tem que fazer o seguinte: comprar uma TV LCD Full HD de 42 polegadas mais o leitor de BD da Panasonic. Tudo isso por R$ 3.599,00. Aí sim o associado pode levar o filme para casa.

29 de abr de 2010

Duke, Nana, Ogerman, Uma Thurman, Agassi, Hitchcock, Eminem, Bad Religion, Interpol, Who, Julian Casablancas, Wilco, Foo Fighters, Kele, Cure, Ozzy

Acima, a capa do novo disco de Ozzy Osbourne, "Scream", a ser lançado em meados de junho. Este será o décimo álbum da carreira de Ozzy, e marca a estreia do guitarrista Gus G, que substitui o quase insubstituível Zakk Wylde. O último álbum de inéditas de Ozzy Osbourne foi "Black Rain", de 2007. A relação de faixas é a seguinte: "Let it die", "Let me hear you scream", "Life won't wait", "Diggin' me down", "Crucify", "Fearless", "Time", "I want it more", "Latimer's mercy" e "I love you all".

*****

A edição especial (e aguardadíssima por mim) de "Disintegration", do The Cure, só sai no final de maio, mas a banda já liberou alguma coisa das faixas bônus que farão parte do CD triplo (um bando de lados B, gravações ao vivo...). "Delirious night" é uma delas.



*****

Então tá combinado. Amanhã todo mundo na frente do site da MTV UK para ver o show do Gorillaz.

*****

SOLO: O vocal do Bloc Party, Kele Okereke, lançou hoje o seu novo single solo, "Tenderoni". A música é dançante, e Okereke usou aquela tática que os Pet Shop Boys adoram de soletrar o título da música. "Tenderoni" é o primeiro single do álbum de estreia solo de Okereke, "The boxer" - ops, já conheço um discaço com esse mesmo título.



*****

NA ÁFRICA DO SUL: Os organizadores da Copa do Mundo só querem saber de lixo nos shows de abertura e de encerramento. Depois do anúncio dos nomes de Shakira e Alicia Keys para a abertura, agora teremos que engolir Andrea Bocelli e Bryan Adams no espetáculo (espetáculo?) de encerramento. Melhor engolir o Dunga mesmo. Haja estômago.

*****

E O FOO FIGHTERS TAMBÉM PROMETE: A Spinner informa que o Foo Fighters já tem 15 músicas escritas para o seu próximo álbum. Entretanto, ele não sairá em 2010. Com alguma sorte, pode ser que ele veja a luz do dia em 2011. "Definitivamente, esse trabalho ainda se encontra nos estágios iniciais", afirmou o baterista Taylor Hawkins. No momento, Dave Grohl está em turnê com o Them Crooked Vultures, e Hawkins acabou de lançar o segundo álbum ("Red Light Fever") de seu projeto paralelo, Taylor Hawkins and the Coattail Riders.

*****

O WILCO PROMETE: O baixista John Stirratt disse que o Wilco já está trabalhando em um novo álbum. O último trabalho da banda, "Wilco (The Album)", foi lançado no ano passado. No momento, o conjunto está em turnê. "Ainda estamos no processo de composição das canções e vamos começar a gravar as demos em breve", disse o músico ao FasterLouder. Aguardemos.

*****

Adorei o cover de Julian Casablancas para "Dancing in the dark", do Bruce Springsteen. Ele bem que podia gravar isso oficialmente.



*****

E a música nova do Interpol, hein? Posso dizer que ainda não tenho opinião formada a respeito.



*****

Caso alguém ainda se interesse pelo Bad Religion, fique sabendo que a banda agendou uma pequena turnê pela Inglaterra, em Agosto, para comemorar os seus 30 anos de carreira.

*****

E a artista mais influente do mundo segundo a Time é a... a... a... Isso... Lady Gaga! Quem mais poderia ser? Essa "eleição" me lembrou até aquelas que o Faustão faz todo ano. "Ô loco, quem é a mulher mais bonita da televisão?" E tome Juliana Paes. Será que esse pessoal não se cansa de sempre idolatrar as mesmas pessoas não? Aliás, quem será a Lady Gaga do próximo verão? Ah, e se você quiser ler o texto sobre Lady Gaga, escrito por Cyndi Lauper, basta clicar aqui.

*****

E quer saber o que eu achei da nova música do Eminem? Sinceramente? A mesma chatice de sempre.



*****

No dia 29 de abril de 1980, o cinema perdia o seu maior mestre do terror e do suspense. Vítima de insuficiência renal, Alfred Hitchcock partiu dessa para melhor deixando obras-primas como "Psicose", "Um corpo que cai", "Janela indiscreta", "Festim diabólico", "Disque M para matar", e, claro, "Os pássaros", do qual foi extraído a antológica cena abaixo.



*****

CULTURA INÚTIL DO DIA: Todo mundo sabe que agora em 2010 teremos a primeira Copa do Mundo no continente africano. Pois bem, hoje faz 50 anos que a seleção brasileira de futebol jogou uma partida naquele continente. Foi um amistoso na cidade do Cairo. E o resultado: Brasil 5 x 0 Egito.

*****

Quem nasceu no mesmo dia que Uma Thurman foi Andre Agassi, um dos maiores campeões do tênis. O maior rival de Pete Sampras ganhou oito títulos do Grand Slam. Aliás, Agassi venceu todos os quatro torneios do Grand Slam (apenas seis conseguiram tal feito). O tenista se aposentou logo após o US Open de 2006. A sua última partida oficial aconteceu em 02 de setembro de 2006. Na ocasião, ele perdeu para o alemão Benjamin Becker. Mas isso pouco importou. Veja logo abaixo:



*****

Quentin Tarantino vai ter que pegar o telefone hoje para desejar feliz aniversário a uma de suas divas. Uma Thurman completa, nesse 29 de abril, 40 anos. A atriz despontou mesmo em 1994, quando atuou no filmaço "Pulp fiction - Tempo de violência", de Tarantino. A partir daí, ela participou de vários outros longas, como "Batman & Robin" (1997) e a versão de "Os Miseráveis", filmada por Bille August, em 1998. Mas talvez nada se compare ao trabalho de Turman em "Kill Bill" (2003/04), esse sim, um dos melhores filmes de todos os tempos.



*****

Hoje também o arranjador Claus Ogerman faz aniversário. O compositor alemão emprestou o seu talento a obras de importantes artistas como Diana Krall, George Benson e Bill Evans. Mas foi ao lado de Antonio Carlos Jobim que Claus Ogerman fez história, ao arranjar e produzir os discos "The composer of 'Desafinado' plays Jobim" (1963), "A certain Mr. Jobim" (1965), "Wave" (1967), "Francis Albert Sinatra & Antonio Carlos Jobim" (1967), "Jobim" (1972), "Urubu" (1976) e "Terra Brasilis" (1980). Ogerman completa 80 anos.



*****

Agora no Brasil, hoje também é dia de o clã Caymmi comemora e soprar 69 velinhas junto com Nana Caymmi, uma das maiores vozes do país. Mestre Dorival já não está mais aqui, mas Nana é a artista que melhor o representa. Sua voz, seu jeitão e, principalmente, a sua interpretação para os clássicos que o seu pai deixou... Tomara que Nana volte aos palcos logo para fazer o show de divulgação de seu último álbum, "Sem poupar coração", lançado no ano passado. A gente espera.



*****

Então vamos fazer nossa viagem ao que aconteceu de importante no dia 29 de abril? Para começar, hoje é aniversário de Duke Ellington. Se vivo fosse, o grande pianista e maestro da principal big band de todos os tempos, estaria completando 111 anos! Vamos relembrar? Vem comigo...



*****

Bom dia, pessoal. Quase boa tarde, aliás. E ontem, hein? Que natação foi aquela entre Flamengo x Corinthians. O importante é que o Mengão já ganhou essa. Quarta que vem, a parada vai ser mais dura em São Paulo, nesse "clássico da balada", como bem definiu o José Simão. E o Barcelona? Que pena. Aquele gol anulado no final... Sei não... O jogo duro de resultado venceu o jogo leve, alegre e bonito. Dunga deve estar rindo de orelha a orelha.

28 de abr de 2010

Paulo César Pinheiro, Korn, Johnny Marr, Ozzy, Weller x Bono, Coldplay, Metallica, Gorillaz, Pistols, Doves, Hole, How To Destroy Angels, XX, Hot Chip


*****

Você quer ouvir shows fresquinhos do Hot Chip e do XX com ótimo áudio? Hein, hein? Então, clica aqui.

*****

VEM COISA BOA POR AÍ: Trent Reznor vai trabalhar com a sua atual companheira, Mariqueen Maandig (ex-vocalista da West Indian Girl), em um novo projeto intitulado How to Destroy Angels. Ainda não foi lançada nenhuma música, mas o site já está no ar.

*****

Alguém por aqui ainda se interessa pelo Hole?



*****

Mais um hi-a-to.

*****

EMPOEIRADO: O roteiro de um filme escrito por Roger Ebert sobre os Sex Pistols foi encontrado em alguma gaveta empoeirada em Londres. O roteiro estava guardado havia 33 anos, e Ebert transcreveu a íntegra dele em seu blog. Tomara que o filme saia algum dia. Mas, por enquanto, a gente pode dar uma lida.

*****

Não, não é o Obama que está cantando.



*****

MAIS "PLASTIC BEACH"?: Damon Albarn, do Gorillaz, disse a Spinner que foram gravados mais de 80 fragmentos musicais para "Plastic beach". O álbum original contém 16 faixas, e o vocalista disse que teria material suficiente para mais dois volumes de "Plastic beach". Acho que os fãs vão adorar a ideia. Mas será que a (excelente) qualidade do álbum seria mantida nessas sobras? Na dúvida, melhor deixar do jeito que está.

*****

GARFARAM O METALLICA: Deu no Blabbermouth que James Hetfield e seus companheiros de banda foram roubados em Moscou. Eles foram a um restaurante, comeram um bifinho com salada e a conta deu 270 doletas. Logo ápós, Hetfield no extrato do cartão de crédito que o valor da conta tinha ultrapassado 550 dólares. Voltou ao restaurante e o gerente apresentou um recibo assinado pelo próprio vocalista do Metallica, no valor que o restaurante cobrou. Bom, independente do valor, Hetfield foi roubado do mesmo jeito.

*****

Deixa eu dizer uma coisa... Hoje, o Coldplay subiu no meu conceito. A banda de Chris Martin se recusou a liberar as suas músicas para aquela malice do "Glee". Os produtores do seriado estariam agora correndo atrás de Britney Spears e de Courtney Love. Só espero que essa última, sempre doida por um trocadinho fácil, não libere as músicas do Nirvana.

*****

"Eu não gosto deles porque as suas músicas são um lixo. Eu não gosto do quão orgulhosos eles são, bem como do modo que se levam a sério." (Paul Weller sobre os colegas Bono e Sting, na nova edição da Q)

*****

Qual será a classificação etária do filme baseado na vida de Ozzy Osbourne? No mínimo, 40 anos...

*****

A BOA DO DIA: Johnny Marr disse que está compondo a trilha sonora do filme "The big bang", dirigido por Tony Kratz, e estrelado por Antonio Banderas. Em entrevista ao NME, o ex-Smith e atual Crib disse que o álbum com a trilha sairá até o final do ano. "Estou fazendo a guitarra soar eletrônica. Enquanto as outras pessoas usam orquestras, estou simulando os mesmos efeitos na gitarra", disse Marr. Já estou curioso... :)

*****

Quem aqui vai encarar?



*****

A QUEM INTERESSAR POSSA: O tracklist do novo CD do Korn, "Korn III: Remember Who You Are": "Oildale (Leave me alone)", "Pop a pill", "Fear is a place to live", "Move on", "Lead the parade", "Let the guilt go", "The past", "Never around", "Are you ready to live?" e "Holding all these lies". O álbum, o nono da carreira da banda, será lançado no dia 28 de junho.

*****

Partindo para o futebol, hoje, o goleiro Walter Zenga completa 50 anos de idade. Zenga, que atualmente é técnico do Palermo, fez a sua carreira na Internazionale de Milão e na seleção italiana, pela qual participou das Copas de 1986 (como reserva) e de 1990 (titular). Na Copa da Itália, ele ficou 517 minutos sem tomar gol, uma marca que não foi superada até hoje. Por essas e outras, Zenga pode ser considerado o melhor goleiro italiano (e um dos melhores do planeta) em todos os tempos.



*****

Ainda na televsião, quem estaria completando 79 anos hoje é a atriz Nair Bello, uma das maiores humoristas que o país já teve. A avó de Juninho Bill (aquele mesmo que era do Trem da Alegria) atuou em diversos filmes e participou de mais de 20 programas na TV, entre novelas, minisséries e humorísticos. Alguns de seus trabalhos foram "A viagem", "Torre de babel", "O quinto dos infernos" e "Zorra total".



*****

Quem também faz aniversário hoje é Stênio Garcia. O ator comemora 77 anos com um rostinho de 47. Em plena forma, Stênio volta e meia, aparece em alguma novela por aí. O seu último trabalho foi em "Caminho das Índias", no papel do malucão Dr. Castanho. Ele também participou de novelas como "O terceiro pecado" (1968), "Gabriela" (1975), "Feijão maravilha" (1979), "Hipertensão" (1986) e "O rei do gado" (1996). Mas talvez o seu papel mais inesquecível seja o de Bino, no saudoso "Carga pesada".



*****

Hoje, o grande compositor Paulo César Pinheiro completa 61 anos. Um dos letristas mais atuantes de nossa MPB, Pinheiro é autor de clássicos como "Cai dentro", "Lapinha", "Matita Perê", "Aviso aos navegantes", "Vento bravo" e "Bolero de Satã". Dentre os seus parceiros estão Antonio Carlos Jobim, Baden Powell, Mauro Duarte, Edu Lobo, Ivan Lins, Guinga, Toquinho, João Nogueira, Dori Caymmi, entre outros. As suas letras foram cantadas por gente como Elis Regina, Simone, Clara Nunes, Elizeth Cardoso e Maria Bethânia.



*****

Opa! Bom dia, gente. E o que tem pra hoje, hein? Vamos adiantar o trabalho porque a coisa hoje tá boa. Logo mais, às 15h45, tem Barcelona x Inter. Espero por mais um show de Messi. E à noite tem Flamengo x Corinthians. Bom, não espero show de ninguém, mas apenas que o Mengão vença.

27 de abr de 2010

Gil, Raphael Rabello, Dinho, B-52's, Pacaembu, Neymar, The National, MIA, Cyndi Lauper, Green Day, Oasis, Neguinho, Spektor & Radiohead, Fredy Krueger

Vamos prender a tosse, gente??



*****

Eu morria de medo do Freddy Krueger nos anos 80. Estou louco para ver o filme novo da série... Haha...



*****

#medo.

*****

Lindo.



*****

Essa aqui eu vi no Popload: como pronunciar corretamente o nome daquele vulcão, que eu não vou perder tempo vendo como se escreve...




*****

Fofoca do dia.

*****

O CLIPE TOSCO DO DIA: "Mulher, mulher, mulher", de Neguinho da Beija-Flor. E só para aproveitar, se você quiser conhecer um disco decente do Neguinho, basta clicar aqui.



*****

VAI DAR MERDA: O "The Sun" publicou hoje que Gem Archer e Andy Bell estão tocando tanto no trabalho solo de Liam, quanto no de Noel Gallagher. Ambos estariam felizes porque "estão ganhando em dobro".

*****

VAI FICAR PIOR DO QUE JÁ ERA: O Green Day anunciou que vai regravar o seu álbum "American idiot", lançado originalmente em 2004, ao lado do elenco do musical homônimo que está na Broadway. Joey Ramone e Joe Strummer devem estar se revirando no túmulo com essa versão "Glee-Punk". Impressionante como nêgo se vende.

*****

Mundo cão.

*****

PERDIDA, FILHA?: Sai no dia 22 de junho o novo álbum de Cyndi Lauper, "Memphis blues", todo dedicado ao blues. O disco ainda conta com as participações especiais de B.B. King, Allen Toussaint e Johnny Lang. A cantora disse que esse é "o álbum que sempre quis fazer". Então tá.

*****

EM TEMPO: O videoclipe da MIA, postado ontem aqui, foi retirado do YouTube por conta de seu "conteúdo violento".

*****

TODO NA REDE: Já ouviram a música nova do The National? Conheci essa banda quando ela abriu um show do R.E.M. em Nova York, em 2008. Hoje já é uma das minhas bandas prediletas de todos os tempos da última semana. O novo álbum da banda ("High violet"), que pode ser ouvido todinho aqui, sai no dia 11 de maio.



*****

E já que estamos falando de futebol, devo dizer que era fã do Neymar até ontem. Olha só que entrevista lamentável. Eu dizia que ele teria a empáfia do Robinho daqui a dois anos. Mas, pelo jeito, não precisei esperar tanto. Tomara que não vá pra Copa. E se for, tomara que voltem os dois de mãozinhas abanando.

*****

No dia 27 de abril de 1940, depois de quase dois anos de construção, foi inaugurado o estádio do Pacaembu, em São Paulo. Em sua estreia, houve uma rodada dupla. O Palestra Itália (atual Palmeiras) goleou o Coritiba por 6x2. E o Corinthians detonou o Atlético-MG por 4x2. O primeiro gol no estádio foi obra de Zequinha, do Coritiba. O estádio ainda abrigou seis jogos da Copa de 1950, inclusive o empate de 2x2 entre Brasil e Suíça - Alfredo e Baltazar marcaram para o Brasil. O estádio também serviu de palco para artistas importantes como Roberto Carlos, AC/DC, Rolling Stones e Paul McCartney. Foi lá que o Botafogo foi campeão brasileiro em 1995, em cima do Santos, e também a despedida de Romário da seleção brasileira, há exatos cinco anos.



*****

Quem também sopra velinhas hoje é Kate Pierson, uma das vocalistas do The B-52's. Kate faz 62 anos em um bom momento profissional. Depois de anos de ostracismo, em 2008, a sua banda lançou um excelente álbum ("Funplex") e saiu em uma vitoriosa turnê. O show aqui no Rio de Janeiro foi excelente. O do Rock in Rio de 1985, eu não estava, mas, pelo vídeo abaixo, dá para ver que foi sensacional.



*****

E quem faz aniversário hoje é Dinho Ouro Preto, vocalista do Capital Inicial. Outro dia, estava lembrando de uma história curiosa. Na época da explosão dos Mamonas Assassinas, cujo vocalista também se chamava Dinho, alguns repórteres ligavam para Dinho Ouro Preto, pensando que ele era o vocal dos Mamonas. O engraçado é que, naquela época, Dinho Ouro Preto estava sumidão. Ele tinha saído do Capital e tentava engrenar uma carreira solo bem mediana. Hoje, o Capital Inicial é uma das bandas mais importantes (e relevantes) do Rock brasileiro. Uma das poucas que conseguem aliar popularidade e qualidade.



*****

E o que aconteceu nesse dia 27 de abril, hein? Hein, hein? Vamos começar relembrando um dos maiores violonistas brasileiros de todos os tempos? Raphael Rabello partiu dessa para melhor há exatos 15 anos. Nunca vi um show dele, mas por pouco. Devia ter uns 10, 11 anos de idade e meu pai me chamou para ver a apresentação do Ney Matogrosso ("À flor da pele"), que contava com Raphael Rabello no violão. Ri da cara dele e perguntei se ele tava maluco. (Na época, meu gosto musical só era bom para moleques de 10, 11 anos.) Uns quatro anos depois, "À flor da pele" se transformou, tipo, em um dos meus cinco discos prediletos de todos os tempos. E nunca mais tive a chance de conferir esse show ao vivo. Olha só o que eu perdi:



*****

Hoje é um dia muito especial, e a minha trilha sonora será sempre essa aqui...

26 de abr de 2010

Roger Taylor, Jair do Cavaco, Guilherme de Brito, Basie, Paul, Jet Li, Goleiros, Chickenfoot, Weezer, Ice T, Smiths, Amy, AC/DC, MIA, R.E.M., Gorillaz

A ÓPERA DO GORILLAZ: A Vulture trouxe mais notícias sobre a ópera que Damon Albarn e Jamie Hewlett estariam produzindo juntamente com Alan Moore, roteirista de "Watchmen". Segundo a revista, a ópera seria baseada na vida de John Dee, um tipo alquimista meio doido. Já ouviu falar? Nem eu.

*****

Parece que os recadinhos no twitter de Billy Corgan são para Courtney Love.

*****

OLHA SÓ QUE LEGAL...: ...que foi o encontro de Michael Stipe e Peter Buck com a Patti Smith, ontem, em Nova Orleans.



*****

Fofo!



*****

E o clipe novo da MIA, hein? Tá gerando um maior babado na internet...

*****

É sempre um prazer ver o AC/DC no topo da parada britânica. Ainda que seja com uma coletânea de sucessos.

*****

AO MESTRE COM CARINHO: Amy Winehouse gravou três músicas para um álbum em homenagem a Quincy Jones. As gravações foram produzidas por Mark Ronson, o mesmo responsável pelo multiplatinado "Back to black", de 2006. O pai de Amy disse que a filhota já gravou três faixas para o projeto. Será que sai mesmo?

*****

O mesmo Gigwise está fazendo uma pesquisa junto aos seus leitores para eleger a melhor banda britânica de todos os tempos. O site aposta no Radiohead e no Muse, mas, por enquanto, quem lidera é o The Smiths, seguido de perto do Oasis. Em terceiro lugar aparecem os Beatles.

*****

O Gigwise fez uma pesquisa para eleger a música mais controversa de todos os tempos. A campeã foi "Cop killer", de Ice T. Segundo o rapper, a letra foi feita por conta da brutalidade da polícia dos Estados Unidos. Os seus primeiros versos são de uma delicadeza só: "I'd like to take a pig out in the car lot and shoot him in the mother-fucking face".



*****

#medo: O G1 informa que o Fresno "quer trazer os riffs de guitarra de volta às rádios".

*****

PLANOS E PLANOS: O baixista Scott Shrinner, do Weezer, disse à Billboard, que a sua banda tem planos para esse ano de 2010. O primeiro é o lançamento de uma versão expandida do excelente "Pinkerton", que saiu, originalmente, em 1996. Além de "Pinkerton", o Weezer também deve lançar ainda em 2010 uma coletânea de raridades, como lados B e gravações ao vivo.

*****

Nesse fim de semana, o Chickenfoot se apresentou na Cantina Cabo Wabo (no México), cujo dono é o vocalista Sammy Hagar. Essa versão de "Foxy lady", de Jimi Hendrix, ficou bem interessante.



*****

CULTURA INÚTIL DE HOJE: Dia 26 de abril é o dia do goleiro. A data foi instituída em homenagem ao ex-goleiro Manga (que hoje completa 73 anos), que brilhou em times como Botafogo, Inter de Porto Alegre, Coritiba, Grêmio, Sport e Nacional do Uruguai.



*****

Partindo para o cinema, hoje, Jet Li comemora 47 anos.



*****

CABO DE GUERRA: Em 26 de abril de 1982, foi lançado o melhor disco da carreira solo de Paul McCartney. O álbum foi o primeiro produzido por George Martin para um Beatle desde "Abbey road". Durante as suas gravações, John Lennon foi assassinado na porta do Dakota, o prédio onde morava em Nova York. McCartney aproveitou o momento para colocar alguns pontos nos "is" em algumas de suas mais bonitas composições, como a faixa-título do álbum: "Eu ainda me lembro como foi antes / E não estou mais segurando as lágrimas".

*****

Nesse mesmo dia, no ano de 1984, o jazzista Count Basie também partia dessa para melhor. Count Basie gravou com meio mundo do jazz, como Ella Fitzgerald, Billie Holiday, Oscar Peterson, Lester Young e Duke Ellington. O pianista compôs clássicos do jazz como "One o'clock jump" e "April in Paris".



*****

Ainda na seara do samba, hoje faz quatro anos que o grande letrista Guilherme de Brito partiu para o andar de cima. O principal parceiro de Guilherme foi Nelson Cavaquinho. Juntos, os dois compuseram clássicos como "Folhas secas", "Pranto de poeta" e "A flor e o espinho". Aliás, dois dos versos mais lindos da Música Popular Brasileira pertecem a essa última canção: "Tire o seu sorriso do caminho / Que eu quero passar com a minha dor". E esses versos nas vozes de Nelson Cavaquinho e de Elizeth Cardoso ficam mais bonitos ainda...



*****

Hoje também comemoramos o nascimento de Jair do Cavaquinho. O sambista da Portela nasceu no dia 26 de abril de 1922, e morreu em 06 de abril de 2006. Dentre os seus sucessos estão "Meu Barracão de Zinco" (com Jamelão), "Vou Partir" (com Nelson Cavaquinho), "Pecadora" (com Joãozinho), "Ela Deixou" (com Nelson Sargento) e "Voltei". Jair participou de, pelo menos, três conjuntos históricos do samba: A Voz do Morro, Rosa de Ouro e Cinco Crioulos.



*****

E o que aconteceu de legal no dia 26 de abril, hein? Vamos começar com o aniversário do Roger Taylor, que não é o baterista do Queen, mas é o do Duran Duran. E sabe quantos anos ele está fazendo? Cinquentinha, meu chapa!



*****

Êê segunda-feira. Diazinho chato para curar a ressaca do fim de semana. Hoje passei pela praia de Copacabana e o mar estava prateado de tanto que brilhava por causa do reflexo do sol. Começar uma semana assim é ótimo. Pena que não estava com o celular para tirar uma foto e colocar aqui.

25 de abr de 2010

Alguns álbuns bacanas lançados em 2010 (II)

Há duas semanas, publiquei uma listinha com resenhas de cinco discos bacanas que já saíram nesse ano, e que eu havia comentado no site do Sidney Rezende. Pretendia continuar na semana passada, mas o show do Gilberto Gil acabou mudando os meus planos. Então, para hoje, eu resolvi fazer uma continuação da listinha de duas semanas atrás. No domingo que vem, eu vejo se consigo colocar as resenhas mais em dia, e vou falar um pouco sobre os CDs/DVDs/BDs que saíram nesse mês de abril que, por incrível que pareça, já está acabando.

*****

“Pandemonium” – Pet Shop Boys
Quem assistiu a algum show da “Pandemonium tour”, que passou pelo Brasil no ano passado, pode se preparar para assistir a um outro show no pacote CD/DVD ora lançado pela dupla britânica. Não, o repertório repleto de sucessos não mudou. Os hits estão todos aqui: “Always on my mind”, “Go west”, “Se a vida é”, “West End girls”, além das novas (e boas músicas) de “Yes” (2009), como “All over the world” e “Love etc.”. O diferencial desse DVD é o seu ótimo áudio, ajustado do jeito que deve ser uma apresentação do Pet Shop Boys – bem diferente dos shows aqui no Brasil, que contaram com um som nojento, que parecia ter saído de um radinho de pilha. A direção de David Barnard é competente, assim como a ótima versão de Tennant e Lowe para “Viva la vida”, do Coldplay.

*****

“One life stand” – Hot Chip
Se eu tivesse que eleger o melhor disco do primeiro trimestre de 2010, não teria dúvidas em arriscar o novo do Hot Chip, “One life stand”. A banda mostra um amadurecimento absurdo desde o lançamento de seu primeiro trabalho (“Coming on strong”, de 2004). As letras e a sonoridade ganham peso nesse álbum, conforme pode ser comprovado logo na primeira faixa, a excelente “Thieves in the night”, ousada, sofisticada e deliciosamente popular. Misturando influências que passam por Depeche Mode, Pet Shop Boys e New Order, o Hot Chip apresenta canções poderosas nesse “One life stand”, como “Slush”, “I feel better” e “Brothers”. Nota dez.

*****

“Valleys of Neptune” – Jimi Hendrix
Janie Hendrix aproveitou esse iniciozinho de 2010 para faturar um trocado à custa do irmão que ela viu uma ou duas vezes na vida. Sob a batuta do engenheiro de som Eddie Kramer (que trabalhou nos álbuns originais de Jimi Hendrix), “Valleys of Neptune”, embora não seja absolutamente inédito - diversas canções já são bem conhecidas, e foram lançadas em coletâneas póstumas anteriores do artista -, certamente, fará a festa dos órfãos do guitarrista. A faixa-título é um jazz-psicodélico que poderia estar presente em qualquer álbum lançado em vida por Jimi Hendrix, assim como "Ships passing through the night", gravada na última sessão de estúdio do guitarrista com a Experience. E “Sunshine of your love” conseguiu ficar melhor com Hendrix do que com o seu “concorrente” (e autor da canção) Eric Clapton.

*****

“Live in London” – The Pretenders
Em 31 anos de carreira, o Pretenders lançou nove álbuns de estúdio. Bons álbuns, de um modo geral. Mas o melhor da banda liderada por Chrissie Hynde acontece mesmo em cima do palco. Contando com a sempre excelente direção de Pierre & François Lamoreux, os Pretenders apresentam um generoso repertório nesse DVD/BD, de “Brass in pocket” às novas canções do último álbum da banda, “Break up the concrete” (2009). No meio do caminho, canções deliciosas como “Back on the chain gang”, “Middle of the road”, “Kid”, “Don’t get me wrong” e a baladona “I’ll stand by you”. Somente Chrissie Hynde e o baterista Martin Chambers estão desde o início da banda, que já contabiliza 31 anos de bons serviços prestados ao rock. Mas, mesmo assim, vale a pena dar uma conferida nesse “Live in London”.

*****

“Tantas marés” – Edu Lobo
O último disco lançado e que leva o nome de Edu Lobo na capa é “Cambaio”, trilha sonora do musical homônimo composto em dupla com Chico Buarque. Foram nove anos até o lançamento de “Tantas marés”, novo trabalho de Edu, e que traz 12 faixas, entre regravações (“Ciranda da bailarina” e “Ode aos ratos”) e inéditas, com especial destaque para "Perambulando", faixa instrumental que já havia sido lançada em "Meia-noite" (de 1995), e que ganhou versos de Paulo César Pinheiro; a faixa-título, com um bonito arranjo de cordas e alguns dos versos mais bonitos escritos na MPB recente: "Saudade é um mosaico / De tudo que eu deixo de mim / Nada mais"; e "Primeira cantiga", com participação especial da cantora Mônica Salmaso. Para quem curte MPB tradicional, é um prato cheio.

*****

“Jealousy” foi retirada do DVD “Pandemonium”, do Pet Shop Boys.

24 de abr de 2010

Simply Red, Agildo Ribeiro, Paralamas, Custódio Mesquita, Janete Clair, Al Pacino, Blur, Dead Weather, Jane's Addiction, Livros da semana

OS LIVROS DA SEMANA: Nesses últimos dias, li dois livros bem bons. Cada um na sua área: História e Música. "O guia politicamente incorreto da História do Brasil", do jornalista Leandro Narloch, descontrói alguns mitos sempre ensinados nas escolas. Por exemplo, o livro revela, sempre com base em ampla bibliografia, que os índios foram os maiores exterminadores dos próprios índios; que Zumbi dos Palmares tinha escravos; que Santos Dumont não inventou o avião (e nem o relógio de pulso); que a feijoada não foi criada no Brasil; que o fascismo de Vargas originou os desfiles de escolas de samba, tal qual conhecemos hoje, etc. etc. etc. Mas o capítulo mais divertido é o que fala dos escritores, revelando que Machado de Assis foi um mordaz censor de peças a serviço do governo imperial, e que José de Alencar não era a favor da abolição da escravatura. É o tipo do livro que você pode até discordar de algumas coisas. Mas nunca poderá negar que é divertidíssimo. Tomara que venha algum volume 2 mais a frente.

A outra leitura da semana foi o genial "O pequeno livro do rock", de Herve Bourhis. São mais de 200 páginas de quadrinhos fazendo a cronologia da história do rock. No entanto, vale o aviso: o livro é recomendado somente para iniciados. Isso porque, cada quadrinho está repleto de referências, com algumas ironias que apenas os conhecedores de determinada banda serão capazes de entender. Não pense que o livro é didático. Pelo contrário. E é exatamente esse detalhe que faz de "O pequeno livro do rock" algo realmente muito especial. Vale abrir uma cerveja, colocar o som no máximo e saborear esse livro.

*****

Coisas que a gente só vem em festivais.

*****

"THE GREAT ESCAPE ARTIST": Esse é o provável título do novo álbum do Jane's Addiction. Quem disse foi Perry Farrell, em entrevista ao blog "Spinner". Conforme já anunciado, o baixista do Jane's, nesse álbum, será o ex-Guns Duff McKagan.

*****

Adorei a música nova do Dead Weather. "Gasoline" estará em "Sea of cowards", a ser lançado daqui a duas semanas.



*****

UMA MÚSICA PRO FIM DE SEMANA: "Tender", do Blur.



*****

AL PACINO, 70: Finalizando as comemorações desse final de semana, amanhã o ator Al Pacino comemora 70 anos. Falar sobre um dos melhores atores de todos os tempos é chover no molhado. Então, fiquemos com os seus filmes: "O poderoso chefão", "Scarface", "Perfume de mulher", "Fogo contra fogo", "O advogado do diabo"... E o que dizer dessa cena abaixo?



*****

Amanhã, Janete Clair, a grande dramaturga, comemoraria 85 anos de idade. Janete escreveu dezenas de novelas de sucesso, como "O astro", "Pecado capital", "Irmãos coragem", "Pai herói" e "Véu de noiva". Em um capítulo da novela "Selva de pedra", Janete Clair conseguiu um feito inédito: 100 pontos de audiência. Essa comoção toda aconteceu por causa da cena logo abaixo:



*****

PARA A NAÇÃO RUBRO-NEGRA: No dia 25 de abril de 1982, o Flamengo foi bicampeão brasileiro em cima do Grêmio, no estádio Olímpico, com gol de Nunes. Aliás, saca só a escalação do Mengão nesse jogo: Raul; Leandro, Marinho, Figueiredo e Júnior; Andrade, Adílio e Zico; Tita, Nunes e Lico. O técnico era Paulo César Carpeggiani. Os Loves e Adrianos da vida bem que poderiam se inspirar nesses craques.



*****

Agora vamos partir para os aniversários de amanhã, começando pelo centenário do compositor Custódio Mesquita, responsável por clássicos de nosso cancioneiro, como "Mulher", "Saia do caminho" e "Nada além". Custódio foi gravado e regravado por meio mundo da MPB. Pena que hoje seja tão pouco lembrado. Mas aqui a gente lembra.



*****

"SELVAGEM?", 24: O blog de Paulo Marchetti lembra que hoje faz 24 anos que o disco "Selvagem?", dos Paralamas do Sucesso, chegou às lojas. Para mim, "Selvagem?" forma a Santíssima Trindade do Rock Brasil, ao lado de "Cabeça dinossauro" (Titãs) e "Dois" (Legião Urbana). Coincidentemente, os três álbuns foram lançados em 1986. Há quatro anos, quando estava na "Folha de S.Paulo", fiz uma matéria comemorando os 20 anos de lançamento desses discos. Foi um imenso prazer reviver as histórias dessas três grandes bandas. Se você tiver paciência, pode ler a matéria aqui. (É a última matéria da página.)

*****

E vamos começar rindo nesse sábado chuvoso? O humorista Agildo Ribeiro comemora 78 anos hoje. Adoro os seus personagens, e aqui vai a nossa singela homenagem.



*****

E ae pessoal. Que tempinho, hein? Ontem fui ao show do Simply Red, no Citibank Hall, aqui no Rio. Apesar do feriado, a casa estava bem cheia (80% da lotação, mais ou menos). O show foi interessante, mas muito inferior ao do ano passado. Mick Hucknall mudou boa parte do repertório da primeira metade do espetáculo, e o resultado foi um dos inícios de show mais broxantes dos últimos tempos. A plateia só veio mesmo a dar uma animada em "Stars", depois de uns 50 minutos de apresentação. E, a partir dela, o show foi bem bacana, cheio de sucessos como "Come to my aid", "The right thing", "Something got me started", "Money's too tight (To mention)" e o encerramento com a mela-cueca "If you don't know me by now". Enfim, o show valeu, mas ficou aquele gostinho de "já deu". E o próprio Hucknall deve saber disso, já que garantiu que o Simply Red acaba de vez até o final do ano.

23 de abr de 2010

São Jorge, Leo Jaime, Pixinga, Geraldo Pereira, Robson Jorge, Stones, XX, AC/DC, Green Day, Dylan x Mitchell, Slash & Yorke, Dom, Gorillaz, U2, Hole

Quer ouvir o disco inteirinho do Hole agora? Vem por aqui.

*****

Divertidíssima essa lista.

*****

A "Spin" fez a lista dos álbuns mais importantes lançados desde o seu primeiro número, em 1985. And the winner is................

*****

Conhecem o tapa-cofrinho?

*****

VÍDEO DO DIA: Gorillaz mandando "Stylo" no "Colbert report". Foi mal pela qualidade do vídeo, mas foi o melhorzinho que consegui encontrar no Youtube até agora.



*****

A MÚSICA QUE NÃO SAI DA CABEÇA: "Burn bridges", do Dom.



*****

DEU NO "THE SUN": Slash disse que queria a participação de Thom Yorke em seu álbum, mas não teve coragem de ligar pro cara. Seria uma colaboração bastante curiosa, no mínimo. Aliás, estou curioso para ouvir esse novo disco do Slash. Será que presta?

*****

"Bob Dylan não é autêntico. Ele é um plagiador e seu nome e sua voz são uma fraude. Tudo que diga respeito ao Bob é uma decepção." (Joni Mitchell, em entrevista ao LA Times)

*****

SURPRESA!!!: O Green Day fez um show surpresa na noite de ontem, logo após a apresentação do musical "American idiot", na Broadway. Logo que a peça terminou, os integrantes da banda subiram ao palco e mandaram a faixa-título do espetáculo, além de "Basket case". Estou longe de ser fã do Green Day, mas não tem como negar que a ideia foi muito legal.



*****

ENLATADO CAMPEÃO DE VENDAS: O Blu-ray de "Avatar" vendeu um milhão e meio de cópias em apenas 24 horas. Tem gosto pra tudo.

*****

AC/DC VS. IRON MAN: Adorei esse vídeo...



*****

Já viram o clipe novo do XX?



*****

Os Rolling Stones colocaram nas lojas o seu nono álbum no dia 23 de abril de 1971. "Sticky fingers" tem uma das capas - que foi concebida por Andy Warhol - mais polêmicas de todos os tempos. E nem precisava criar a tal polêmica. Olha só o que tinha dentro do disco: "Brown sugar", "Wild horses", "Bitch", "Sister morphine", "Dead flowers"... Discaço! DISCAÇO!!! Vou ouvir hoje.

*****

Quem também faria aniversário hoje é o guitarrista Robson Jorge, um dos maiores instrumentistas que esse país já teve. O álbum que ele gravou em parceria com Lincoln Olivetti, em 1982, na minha opinião, é um dos melhores discos de música instrumental. Confira "Squash", faixa desse disco, logo abaixo.



*****

CULTURA INÚTIL DO DIA: o dia 23 de abril de 1564 é a provável data de nascimento de William Shakespeare - ele foi batizado no dia 25. No mesmo dia 23 de abril, 52 anos depois, Shakespeare morreu. E nesse exato dia 23 de abril de 1616 morreu também Miguel de Cervantes. Definitivamente, Deus estava de mal com a literatura nesse dia.

*****

Vocês não imaginam a minha ressaca hoje...

*****

Dois grandes gênios da Música Popular Brasileira também comemoram aniversário hoje. Pixinguinha e Geraldo Pereira já partiram dessa para melhor. Mas aqui vai a nossa singela homenagem...



*****

E vamos continuar nos aniversários de hoje? Então segura ae que hoje o grande Leo Jaime faz cinquentinha...



*****

E já que hoje é dia dele...



*****

22 de abr de 2010

Cabral & Cabralzinho, Jack Nicholson, Frampton, Mano Brown, Muse & Nirvana, Rush, Green Day, Fratellis, Malcolm, Hold Steady, Danger Mouse, Rufus

"NO CLAPS, PLEASE": Rufus Wainwright baixou um comunicado pedindo que seus fãs não aplaudam entre as canções na primeira parte de seu show. "Rufus pede que você não aplauda enquanto ele não deixar o palco", diz o comunicado da prima donna.

*****

Sai na segunda semana de julho o álbum gravado por Danger Mouse, Mark "Spaklehorse" Linkous e David Lynch.

*****

Eu até que gostei dessa música nova do The Hold Steady. "Hurricane J" é o primeiro single de "Heaven is whenever", que sairá no mês que vem.



*****

MALCOLM: Até o funeral do cara é punk.


*****

JÁ?: A banda The Fratellis anunciou a sua dissolução. A banda surgiu na cidade de Glasgow, na Escócia, em 2006. O seu primeiro álbum, "Costello music" (2006) foi bem bacana, com enérgicas (e boas) canções como "Chelsea dagger" e "Flathead". O segundo trabalho, "Here we stand", já demonstrou um sinal de esgotamento, com uma sonoridade bem repetitiva e letras bem fraquinhas. O teste do segundo disco é cruel para muitas bandas. E o Fratellis foi uma delas. Descanse em paz.

*****

A coluna de Mônica Bergamo informa que o Green Day já fechou contrato para se apresentar em São Paulo e no Rio de Janeiro, no mês de outubro.

*****

NA MÁQUINA DO TEMPO: Em entrevista a Rolling Stone, Geddy Lee informou que o Rush lançará canções inéditas - provavelmente duas - antes da turnê que começará em julho, nos Estados Unidos e no Canadá. Em processo de composição das músicas que farão parte do novo disco da banda (com data de lançamento ainda indefinida), Geddy Lee e seus companheiros decidiram sair em turnê ("Time machine tour") para apresentar a íntegra do clássico álbum "Moving pictures", além de algumas surpresas. O Rush é uma das bandas que mais trabalha. Por isso que está cada dia melhor.

*****

No fim de semana passado, o Muse fez uma versão de "School", do Nirvana. Andei procurando o vídeo no Youtube para postar aqui, mas só achei hoje. O que vocês acharam?



*****

Parabéns também ao Mano Brown, do Racionais MC's. Um dos rappers mais importantes do país completa hoje 40 anos.



*****

Quem também sopra velinhas hoje é Peter Frampton, que completa 60 anos. "I want you to show me the way, everyday... I want you to show me the way, night and day....."



*****

Hoje o grande Jack Nicholson completa 73 anos. O que eu mais gosto nele é a sua capacidade de fazer qualquer tipo de papel muito bem: comédia, drama, policial, coringa... Mas, cá pra nós, nada como ver o Jack Nicholson em uma comédia. "Melhor é impossível" e "Alguém tem que ceder" são dois dos melhores filmes que já vi na minha vida.



*****

OLHA ELES RINDO DA SUA CARA:

Bom dia, povo. Sonharam muito? E o que foi o dia de ontem aqui no Rio de Janeiro, hein? E o pior é que tive que vir a Botafogo. Já viu, né? Foi o tal dia D da Igreja Universal. Mas também podia ser o dia D da Desordem. Enquanto o Rio estiver nas mãos de Cabral e de Cabralzinho, será assim mesmo. A culpa é sempre dos outros, e nada é com eles... Ficam sabendo do caos pelos jornais e depois pedem desculpas. Será que eles mandaram prender os fiéis que mijaram e emporcalharam a Enseada de Botafogo? Não, né... As eleições estão aí... Essa é a cidade das Olimpíadas, o país da Copa do Mundo. E o pior é que tem gente que ainda acha que está tudo bem... Choque de ordem no governo desses dois!